domingo, 30 de agosto de 2009

Como a Formiga*

Foi só o verão resolver brincar de ir embora para eu me lembrar que agora é hora de armazenar alguns itens para o inverno. Aproveitei que o dia que estava lindo(mas foi só chegar no meu destino para cair aquela chuva) e a minha folga, para ir ao Jean-Talon para aproveitar os tomates abundantes e os generosos ramos de manjericão.

Os tomates foram direto para o forno(e por lá ainda estão) para virarem tomate seco e o manjericão virou um pesto espetacular, dessa vez deixei o mixer de lado e fiz o pesto no pilão, ficou sensacional, nova receita para o meu caderno, pesto com o mixer nunca mais. Já que estava no Jean-Talon comprei azeitonas para fazer uma tapenade, receita que queria experimentar há tempos, desde que comprei um potinho esperto de anchovas no Costco.

Fica a ressalva que os tomates ficam de 5 a 6 horas no forno, então eles devem ser feitos em dias de temperatura amena, porque se não já viu, a casa vira uma estufa.

TAPENADE

250g de azeitonas pretas sem caroço
8 fillets de anchova em óleo
1 dente de alho
2 colheres de sopa de mostarda de Dijon
3 colheres sopa de alcaparras passadas por água
100 ml de azeite extra virgem
Sumo de 1 limão
1 colher de sopa de salsinha
Pimenta-do-reino moída na hora

No robot de cozinha reduza a purê as azeitonas juntamente com as anchovas, o alho e as alcaparras.

Continuando a moer, junte o azeite e a mostarda.

Passe para uma taça e tempere com o sumo de limão, pimenta-do-reino e a salsinha

Cubra com película aderente e reserve na geladeira até servir.

TOMATE SECO:

- 1kg de tomates maduros e firmes (tipo pêra)
- 5 colheres (sopa) rasas de açúcar
- 2 colheres (sopa) rasas de sal
- Orégano à vontade (para forno e montagem)
- 1 1/2 xícara (chá) de azeite de oliva
- 8 dentes de alho amassados

PARA A MONTAGEM:

- Azeite extra-virgem (quanto for necessário)
- 150g de alcaparras
- 150g de azeitonas verdes sem caroço em rodelas
- 150g de azeitonas pretas sem caroço em rodelas
- 1 pacote de queijo parmesão fresco

Modo de Preparo

Lave bem os tomates, seque, retire o talinho e parta ao meio. Numa fôrma, coloque um ao lado do outro, de barriguinha para cima. Polvilhe a mistura de açúcar com o sal sobre os tomates e leve ao forno a uma temperatura de 190ºC a 240ºC, por 45 minutos (mais ou menos). Retire a fôrma do forno, vire os tomates e jogue fora o caldinho que juntou na fôrma. Leve de volta para o forno na mesma temperatura por 40 minutos (mais ou menos), olhando sempre. Retire do forno novamente, desvire os tomates e regue com 3 colheres (sopa) de azeite, salpicando orégano e o alho amassado. Leve ao forno por mais 35 minutos. Vá desvirando de 30 em 30 minutos até chegar no ponto de assadinho e sequinho. Dependendo do forno, demora de 5 a 6 horas.

MONTAGEM: Distribua num vidro esterilizado camadas de tomate seco, colocando azeite virgem ou óleo de milho até cobrir. Deixe descansar.

OPÇÃO: Você pode intercalar os tomates com alcaparras, azeitonas verdes ou pretas e queijo parmesão fresco

PESTO do Panelinha

4 dentes de alho
1 colher (chá) de sal
1 xícara (chá) de manjericão fresco
3 colheres (chá) de pinoli ou de nozes (sem casca)
100 g de queijo peccorino ou de parmesão ralado
1/2 xícara (chá) de azeite de oliva
pimenta-do-reino a gosto


1. Com a ajuda de uma faca, descasque os dentes de alho. Passe pelo espremedor e coloque a pasta de alho numa tigela. Acrescente 1 colher (chá) de sal e misture muito bem.

2. No processador de alimentos ou com um pilão, triture os pinoli ou as nozes. Em seguida, junte os pinoli ou as nozes à pasta de alho e sal e misture bem.

3. Sob água corrente, lave muito bem as folhas de manjericão. Seque com papel-toalha. Com uma faca afiada, pique fino o manjericão. A seguir, acrescente as folhas picadas à mistura de alho e pinoli (ou nozes). Misture bem.

4. Por último, junte o queijo e o azeite e misture muito bem até obter uma pasta homogênea. Tempere com um pouco de pimenta-do-reino e sirva a seguir. Se quiser armazenar, transfira para um pote de vidro esterilizado e mantenha em geladeira.

OBS: Potes de vidro podem ser reutilizados para conservas, molhos, ou mesmo geléias, feitos em casa. Mas primeiro eles devem ser muito bem esterilizados. Para isso, leve bastante água para ferver numa panela grande; coloque o vidro e sua tampa na panela e deixe ferver por no mínimo 15 minutos.

Para retirar o vidro e a tampa, utilize uma pinça de cozinha e deixe-os escorrer sobre um pano de prato limpo. Atenção: não coloque o vidro sobre nenhuma superfície muito gelada, como mármore, pois o vidro pode estourar. Só use os potes esterilizados depois que eles esfriarem totalmente.

* Da Fábula a Cigarra e a Formiga

2 comentários:

Jubs disse...

Oi Ariane!

Vou experimentar o Tapenade tb! Nunca tinha ouvido falar... mas parece ser bommm!!!

Curiosidade... quão acessível é o pinoli no Canadá??? Caríssimo como no Brasil??

Curiosidade 2... falando em estoque de alimentos, qual o tamanho do congelador nas geladeiras daí?? (hehehe... não me leve a mal, mas como uma futura imigrante que ama frutas vermelhas e que costuma estocar as ditas cujas congeladas, essa é uma informação bem importante... rsrsrs)

Obrigada por dividir as receitas!!

Bjos!
Juliana

Ariane Seixas disse...

Oi Juliana,

A tapenada e uma delicia, mas e muito forte, eu faria meia receita(eu me arrependi de ter feito inteira).

O congelador aqui e igual, geladeira duplex, e pequeno mas da para o gasto.

Beijos