quinta-feira, 30 de abril de 2009

Os Homens são mais emotivos

Por Felipe Machado do Palavra de Homem

Depois de (tentar) acabar com o ditado 'a primeira impressão é a que fica', chegou a hora de detonar outro mito: o que diz que as mulheres são mais emotivas do que os homens.

Talvez essa ideia tenha surgido a partir daquele pensamento retrógrado que classificava a mulher como 'o sexo frágil', o que, cá entre nós, é uma bela besteira. A mulher é mais frágil se levarmos em conta apenas o ponto de vista muscular. Mas sua força não tem comparação se levarmos em conta qualquer outro aspecto da questão, do lado psicológico à capacidade de resistir à dor. Antes de espalhar essas besteiras por aí, marmanjos que não suportam tomar injeção deveriam experimentar dar à luz uma criança. Tenho a leve impressão de que é bem pior.

Acho que somos mais emotivos do que as mulheres por várias razões, mas essencialmente porque somos mais primitivos. Ao contrário do que pregam os machistas, mulheres são seres bem mais evoluídos e racionais do que nós, homens. Não sei como tem gente que discorda.

Quer um exemplo? Preste atenção ao mais popular coletivo de homens reunidos para um determinado objetivo: sim, estou falando de uma partida de futebol. Os homens se abraçam, gritam, choram, agitam bandeiras, beijam camisas, dão a vida por símbolos completamente abstratos. Olho para isso e vejo apenas grandes primatas lutando pela hegemonia de sua tribo a plenos pulmões. E quando saem do estádio, os homens fazem o quê? Saem para beber e se encontrar com outros de sua espécie. Depois de algumas cervejas, não se espante ao ver dois homens de Neanderthal se abraçando e trocando elogios: 'caaara, você é meu melhooor amiiiiiiigo'.

Enquanto isso, as sofisticadas fêmeas preferem se reunir para fazer coisas bem mais civilizadas. Fazer compras. Jantar com as amigas. Ir ao cabeleireiro. Percebeu? São atividades extremamente racionais (apesar de algumas malucas gastarem o cartão de crédito como se não houvesse amanhã). A mulher gosta de conversar, racionalizar, transformar suas emoções e pensamentos em palavras. Deve ser por isso que elas gostam tanto de discutir o relacionamento.

Você pode achar minha opinião radical; sei que é errado generalizar. Existem caras que choram até em comercial de TV (eu) e mulheres que não estão nem aí para a própria família. Mas como diz a canção A Man and a Woman, do U2, o importante é viver com emoção:

"O amor não deveria deixar você entorpecido; a maior dor é não sentir absolutamente nada".

Genial.

Desculpe, mas acho que vou ficando por aqui. Escrever este tipo de texto me deixa muito emocionado.

3 comentários:

eu disse...

Ah, a guerra de sexos... tema sem conclusão!!!!! rsrsrs! Bjs!

Marcinha!=) disse...

testando...

Ariane Seixas disse...

Oi EU...posso perguntar seu nome? Seu perfil é bloqueado e não consigo ver....

Márcia! Testando ok!!